Vendo os projetos da produtora “Bethesda Softworks“, que por acaso está desenvolvendo dois dos games que estão na minha lista de prioridades, “Rage” e “Brink“, me dei conta do porquê dediquei tanto tempo e esforço para trabalhar com arte de games.

Dando uma passada no site, já depois de um bom tempo, pois essas imagens não são tão novas, realmente me surpreendi. As artes dos personagens são incríveis, as dos ambientes são espetaculares, as armas dão vontade de jogar na hora e os veículos muito bem construídos. Sei lá, de tempos em tempos nossa visão muda, não?  Se não bastasse, ainda tem o video mostrando o dia-a-dia da produtora e relatos do designer de som, do diretor de games, do escritor.  É o tipo de ambiente do qual qualquer mente criativa deseja fazer parte.

Bom, divirtam-se com as artes e os videos. Espero que gostem tanto quanto eu:

Acesse o “Diário do desenvolvedor #2” e veja a entrevista de Olivier Leonardi, diretor de arte de “Brinks”, que comenta sobre a criação dos personagens. Ah, quem criou vários desses personagens foi a fantástica artista L. D. Austin. Beeeeeem legal!

 

.

visite:   L.D. Austin website  |  L. D. Austin blog

 

OUTROS POSTS QUE PODEM SER DE SEU INTERESSE: